Sermões

Sermão para o domingo, 24 de setembro de 2017

Época de Trindade

 João Torunsky

“Levanta-te”: Lucas 7, 14

Todo o rio nasce numa fonte nas montanhas e leva as suas águas para o mar. Isto é assim porque a terra atua com a sua força de gravidade e faz com que a água corra da montanha sempre mais para baixo até o mar.

Se, somente a terra atuasse com a sua força de gravidade, um dia as fontes não fluiriam mais e os rios secariam. Mas, aqui na terra atua também o sol. Com sua força ele faz com que as águas do mar se evaporem e que as árvores nas florestas transpirem. A água sobe para as nuvens, caem como chuva e renovam as fontes para que os rios possam fluir.

Quando nós nascemos aqui na terra, entramos numa corrente que no fim nos levará à morte. É como um rio que flui e no fim, com certeza, chegará ao mar. A atuação destas forças da morte que chegarão ao seu auge quando falecermos, atuam o tempo todo na nossa vida e nós vivenciamos isto no nosso dia a dia, por exemplo por ficarmos cansados e precisarmos dormir.

Se, somente estas forças da morte atuassem na nossa vida, nós não conseguiríamos viver nem mais do que um dia. Mas, quando nós dormimos, vivenciamos durante a noite uma outra realidade. Como o sol eleva a água às alturas e a chuva renova as fontes, o sono eleva a nossa alma aos mundos espirituais e renova nossas forças, para que possamos de manhã levantar da cama e encarar um novo dia.

Esta realidade que vivenciamos a cada noite, que nos revigora e que atua como que nos dissesse: Levanta-te para um novo dia; esta força iremos precisar quando chegarmos ao fim da nossa vida e morrermos. Então iremos precisar da força que atua contra a força da morte, a força que renova a vida, iremos precisar do encontro com o Cristo, com a sua força de sol cósmico, que renovará o nosso ser e falará para nós: Levanta-te para uma nova vida.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *